22 janeiro, 2013

Desfraldando. Ou não.

Dois meses atras comecei a pensar sobre desfralde, que escrevi aqui. Compramos o penico e livrinhos pra pequena se familiarizar com o assunto, sem pretensão de fazê-la usar o penico ainda. Leah ficou super empolgada e ela mesmo ia lá, tirava a roupa e sentava no trono, mas nada fazia. E como se era de se esperar, sem maior incentivo, ela perdeu interesse e o penico ficou encostado. Eu ainda não sabia o que fazer pra ajuda-lá nesse processo, e tinha muita preguiça. Pensar em leva-lá pra usar banheiros públicos era o que eu precisava pra empurrar o assunto com a barriga. Barriga essa que cresce a cada dia e também a idéia de que a chegada da irmã poderia causar muitos xixis pela casa me fez deixar pra pensar mais sobre isso depois que a caçula nascesse. Leah não parecia estar pronta mesmo. Mas me dei conta que eu precisava fazer minha parte. Que ela não iria milagrosamente se desfraldar sozinha. Eu precisava leva-lá ao penico com freqüência. O que seria bem mais complicado de se fazer tendo outra pra cuidar. Criei vergonha na cara e resolvi me jogar nessa.

Bolei um plano. Primeiro, a preparação: durante alguns dias ler os livrinhos e assistir desenhos relacionados pra refrescar o assunto na cabeçinha dela. Segundo, as tentativas: depois da preparação, na segunda-feira, eu começaria a leva-lá ao penico com freqüência, tipo de hora em hora ou de meia em meia hora ou de 15 em 15 minutos, sei lá.

A Preparação

Quinta-feira: Se eu chegasse pra Leah com um livrinho sobre o assunto, certeza que ela não iria querer ver aquele e iria escolher outro. É sempre assim. Ela tem pra lá de 60 livros, sempre escolhe os mesmos pra ler, e não aceita nunca uma sugestão. Então o que eu fiz foi guardar todos os livros, deixando de fora somente os sobre desfralde. E mais 2 sobre gravidez e outro sobre irmãs (porque ela também precisa se preparar pra chegada da irmã e também pra coitada ter um pouquinho mais de opções). Na hora da soneca quando abriu a porta do armário onde fica os livros, ela soltou: "Mamãe, look, it's gonne muitos". Acho que só a mãe mesmo pra entender essa sentença. Hehehe Ela quis dizer que os muitos livros haviam se acabado. Lemos dois livros e ela amou as historias de fazer xixi no penico. A noite, ela escolheu os mesmo dois livros. 

Sexta-feira: Mesmos livros antes da soneca e antes de dormir a noite. Também saímos pra comprar fraldas pull-ups e calcinhas. Eu que detesto produtos de personagens, brinquedos e roupas principalmente, deixei ela se jogar nos personagens pra se animar. Escolheu pull-ups da Dora e calcinhas da Minnie.

Sábado: Continuamos com os mesmos livros. Não consegui achar quase nada relacionado no YouTube pra ela assistir. Tem mais vídeos do Sesame Street, mas Leah não gosta de Sesame Street. Quis mostrar a ela a diferença dela bebê e agora, uma criança grande. Imprimi uma foto dela bebê, outra dela agora, uma fralda, um penico, cocô e xixi. Cortei, plastifiquei e fizemos um joguinho. Mostrei que bebê faz xixi e cocô na fralda e que criança faz no penico. Enfatizei que ela não é mais bebê, que agora ela é grande, é uma criança. Também estou parando de chamar ela de baby... :)

À noite quando eu estava indo trocar a fralda e botar o pijama pra ela dormir, ela vê o penico e pede pra fazer xixi. Sentou e no mesmo segundo se levantou. Eu ia deixar por isso mesmo, mas falei: "Espera aí Leah, você tem que esperar um pouquinho pra o xixi vir. Fica aí sentada que eu vou pegar um livro pra você ver enquanto espera". Claro que ela tinha que dizer "Esse não!" para o livro que eu trouxe, e saiu (pelada) pra pegar outro. Eu, achando que não ia dar em nada mesmo continuei sentada no chão do banheiro esperando ela voltar, quando escuto xixi caindo no chão. "LEAH!!!" (com voz alterada, ops!) Quando chego no quarto, com toda docura: "você ta fazendo xixi, meu amor, vamos pro penico!" E carrego a cria pro banheiro, mas a agitação parou o processo e não caiu nem uma gotinha lá. Enquanto limpo o chão digo pra ela sentar lá de novo pra ver se tem mais xixi. E num é que ela foi lá e fez mais um pouquinho. Fizemos a festa, ela jogou o xixi no vaso, deu descarga, todo mundo deu tchau pro xixi. Como eu fiquei feliz por ela ter pedido. E se não tivesse se levantado teria feito tudo no penico. Morri de orgulho, passei o resto da noite pensando no ocorrido, toda besta.

Domingo: Não pretendia começar a levá-la já no penico, mas depois do ocorrido na noite anterior, quando eu ia ao banheiro, a chamava pra ir comigo. E conseguimos três xixis no penico! Sucesso! Fiquei super animada com a coisa toda.

Mas claro que tava bom demais pra ser verdade. Claro que Leah não ia deixar isso ser assim tão fácil pra mim. E veio a segunda-feira pra mostrar a realidade...

As tentativas

DIA 1

Um fiasco. Fracasso total.
Toda vez que eu levava ela no penico, ela já havia feito na fralda.
Botamos pull-ups ao invés de fralda, ela adorou a novidade, mas não atendeu o pedido de não fazer xixi na Dora.
Começou a recusar quando eu chamava pra ir ao banheiro, fez escândalo. E agora? Levar mesmo quando ela diz não? Sentar ela lá na marra, com ela berrando? Medo de traumatizar a criança ou dela se revoltar com essa coisa toda.
Colei na parede um poster que veio com um dos livros, expliquei que quando ela fizesse xixi no penico ela ganhava um adeviso de estrela pra ela e outro pra colar no poster.
- Vamos tentar fazer xixi agora?
- Não!
Fail.
Peguei então o peniquinho de um boneca, que eu havia pegado emprestado com minha cunhada, e sem que Leah visse botei um poquinho de água dentro e deixei no banheiro ao lado do penico dela. Enquanto brincávamos na sala fingi a voz da boneca pedindo pra fazer xixi e sai correndo com ela pro banheiro. Leah veio atrás falando "Me too, me too". Funcionou pra que ela sentasse no penico, mas nada de xixi. Então viu que a boneca havia feito e ficou encantada, numa alegria só. "You fez, baby!! Iêêêêê!!" Beijou a boneca, jogou o xixi da boneca no vaso, deu tchau e tudo mais.
A boneca passou a ir junto em todas as idas ao banheiro.
Botei água no penico da boneca outra vez e a boneca ganhou e colou uma estrelinha no poster.
Leah passou o resto do dia dizendo que queria colar uma estrela também e a gente explicando que ela ganharia uma só quando fizesse xixi no penico.
O dia acabou e não teve nenhuma gotinha de xixi no penico o dia inteiro.
Ai que desânimo.


DIA 2 

O dia começou com idas frequentes ao banheiro, sem sucesso. 
Deixar ela de fralda ou pull-up não vai dar certo. Ela tem que sentir quando fizer xixi. 
Partimos pras calcinhas então. Leah ficou toda feliz com sua calcinha da Minnie e com um minuto de uso, e logo depois de ter ido ao penico e não ter feito nada, ela grita "xixiiiiiii", enquanto o líquido escorre pelas pernas. Ai meus sais. 
Mas vamos lá, é assim mesmo né? Trocamos a calcinha e dessa vez botei uma calcinha de plástico por cima, assim ela iria sentir quando fizesse xixi e não molhava o carpete. 
Voltamos pra brincar lá em baixo e 10 minutos depois, marcado no relógio, levei ela ao banheiro e o que vejo? Ela já havia feito na calcinha de novo! Sério mesmo?! 
Outra troca de calcinha, dessa vez sem a de plástico por cima, vai que foi por causa da plasticuda que ela nem ligou quando fez xixi nas calças a segunda vez? 
Peguei um livro, o que é com fotos de uma menina de verdade ao invés de desenhos e que Leah não o havia escolhido pra ler ainda, pra ver se uma revisada no assunto ajudava a coisa porque Leah já tava ficando de saco cheio de ir ao banheiro direto. 
Ela não quis ver o livro comigo, mas começei a ler pra mim e chamei a menina do livro de Leah e logo ela se interessou. Bem na parte que tem um acidente (xixi no chão), Leah olha pra baixo e lá está: xixi no chão. Vai pro penico ver se sai mais. Nada. 
Outra calcinha. Voltamos pro livro e logo que termina o que acontece? Mais xixi. Sério? Ela faz xixi de 2 em 2 minutos, tá furada, ou o quê? Sacanagem com a mãe, só pode ser. Mais uma vez ela foi removida rapidamente até o penico e dessa vez fez mais um pouquinho no bendito. Comemorei meio que forçada e Leah ganhou sua primeira estrelinha. 
4 calcinhas sujas em menos de 20 minutos. Isso é vida? Provavelmente era tudo uma xixizada só que ela resolveu fazer a prestações. 
Agora ela havia esvaziado, não é possível que ela fizesse de novo em menos de 10 minutos.
Continuei levando a fofa ao banheiro com espaços entre 10 e 15 minutos. Em uma das idas ela fez o xixi e ganhou a segunda estrelinha. 
Enquanto eu botava o almoço teve xixi no chão. 
Depois do almoço teve xixi no penico. 
Um pouquinho antes da soneca achei que ela tava querendo fazer cocô. Ela ficou um bom tempo lá, mas só fez um tiquinho de xixi.
Quando acordou fez xixi no penico. 
Enquanto ela dormia botei água no penico da boneca e deixei ela lá no banheiro. É bonitinho demais a reação de Leah quando vê que a boneca fez xixi... hehehehe
Fiz corpo mole, e porque demorei pra levar, ela fez xixi nas calças 2 vezes. Ainda bem que ela tava com a calcinha de plástico por cima. Pelo menos me livrei de xixi no chão e no tapete da sala. 
Ela deu uma saidinha com o pai antes da janta e passou o resto da noite de pull-up. 
Fez xixi no penico antes de ir dormir.
Depois de ler o livro pra dormir ela pediu pra fazer xixi e fez mais um poquinho.
Não fez cocô o dia inteiro.
Um tempinho depois de botarmos ela na cama, ela me chama e diz que fez xixi. Digo que tudo bem, ela ta de fralda. Ela diz que quer fazer cocô. Digo que ela está inventando e que vá dormir. Ela diz que quer escovar os dentes. Digo que já escovou. Ela diz que quer água. Ela quer tudo, só não quer dormir. 
Pouco tempo depois ela chama de novo e fala novamente em cocô. Ela deve mesmo ta querendo fazer, não fez o dia inteiro. Levo ela no banheiro. Nada. É malandragem mesmo. 
Volta pra cama. Ela me chama de novo e fala em cocô pela terceira vez. Me preocupo, mas não acredito muito nela. Falo que se quiser mesmo fazer, que faça na fralda. Ela começa a falar "não faz xixi cama, né?" Pronto, além de constipada agora a menina não dorme com medo de fazer xixi na cama. Falo que tá tudo bem porque ela ta de fralda. Dou tchau e vou-me. 
Ela ainda me chamou mais uma vez, mas esperei um pouquinho, ela não chamou mais e dormiu. Ufa!


E foi só o segundo dia... Ai minha nossa senhora das mães desfraldantes, tem dó de mim. Dái-me força, entusiasmo, paciência, sabedoria e criatividade pra seguir com esse processo.

13 comentários :

  1. Nossa Dayane uma verdadeira saga heim hahahaha

    Te desejo toda paciência do mundo, por outro lado observe... talvés ela não esteja consiguindo controlar ainda!

    Boa soooorte pra vcs =D
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Que agonia só de ler, eu estou esperando a ajuda da escolinha agora em fevereiro, tem banheiro na sala de aula, e as professoras ajudam no desfralde, tenho a maior preguiça tb, tentei umas vezes, foi bem parecido e desisti.
    Depois te conto como foi com ajuda da escola,
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Ai, Dayane, força aí pra ti e pra dona Leah. Dei um tempo no desfralde do Davi. De vez em quando lembro do penico e peço pra ele fazer o xixi. Às vezes, o deixo de cueca pela casa, mas já ganhei até um número 2 mole na dita cuja e não foi nada legal limpar! hahahahaaha Mas tenho que retomar esse meu papel ativo e ajudá-lo no desfralde.

    Ah, aí vai uma sugestão: deixa uns livrinhos no banheiro, do lado do penico. Pede pra ela escolher quais ela quer deixar lá. Assim, ela não precisa sair correndo pelada pra ir buscar. :-)

    bju e sorte nas tentativas!

    ResponderExcluir
  4. kkkk, ai Dayane, eu tive sorte, Rafa com 1 ano e meio ja esta desfraldada durante o dia todo, ma sela faz cocò no penico desde os 7 meses, por causa das constipaçoes e quando vinha era duro, foi o melhor, ela nao sabe o q è fazer coco na fralda. e agora vive tirando a fralda pra sentar no penico pra fazer xixi e faz..e adora ver q eu faço a festa. Mas meu problema è q ela depois de fazer sai pingando xixi e nao espera eu limpar o bumbum...
    Nao tiro a fralda de noite, por questao pratica mesmo, ela nao vai acordar pra fazer xixi no penico, vai se mijar na roupa e na cama, e nem vai perceber ate o outro dia, entao essa parte vou deixar q o tempo resolva, alguma dia, deixarei ela sem fralda a noite. Mas usar fralda 2 ou 3 vzs ao dia, ao invez de 6 como se fosse um RN, è amelhor coisa do mundo. meu bolso (opa, do marido) agradece.

    ResponderExcluir
  5. Hahahaha tadinha de voce Day. Mas eh assim mesmo que funciona, ja troquei muita calcinha molhada. Nao desiste nao, que uma hora parece que da um clique na cabecinha delas e elas comecam a fazer direitinho. Tem que ser constante ate ela aprender a controlar.

    ResponderExcluir
  6. aaai, quanto capricho...rs
    Alanis ainda não me dá sinais que está pronta..Portantoo, esperarei no tempo dela..creio que logo logo isso aconteceráaa e a saga será minha tbm...depois conto tudooo.rs
    bjos e adooorei o post!
    perolasdealanis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Dayane não é fácil mesmo! Exige paciência! Muita paciência! Agora, não desista e tente mais um pouco. A não ser que perceba que está fazendo mal para a Leah. A tendência na maioria das vezes é desistir por achar que a criança não está preparada.
    Sabe que tentamos com o Thomas e desistimos sim. Na época, alguns meses atrás, ele simplesmente travou e não fazia nem xixi. Sei lá como... Foi muito sofrido! Atualmente ele já percebe, fala para nós que está fazendo na fralda e estamos só esperando melhorar um pouquinho o tempo para começarmos tudo de novo. Acredito que será mais tranqüilo, assim espero....
    Boa sorte! Beijos

    ResponderExcluir
  8. Rindo aqui só pra não chorar!!!! Haja paciência né minha amiga?
    Não tive muito estresse com o xixi do Enry não, bem nessa época nós tínhamos na casa ao lado, um vizinho quase dois anos mais velho que o Enry, por tanto desfraldado. E como eles brincavam o dia todo, era comum que qndo o amigo pedia pra ir no banheiro fazer xixi, ele corri atrás e pedia pra fazer tbm! Tivemos pouquíssimos acidentes!

    Mas até hoje não sai um cocô no vaso. Já chorei, desesperei, já chorei de novo, pedi ajuda divina, fingi que nem ligo, chorei mais... mas tá difícil viu amiga!

    Beijos
    Parabéns pelos avanços viu! Isso é só o começo!

    ResponderExcluir
  9. Oi querida, que blog lindo! estou seguindo, beijos :*

    ResponderExcluir
  10. Ah Dayane, sei bem o que você tá passando porque já vivi essa cena aqui em casa. Realmente essa fase é dificil e requer muitaaaaa paciência!!! Afff eu como! Felizmente a Bia já está sem fraldas definitivas a praticamente 2 meses. Ela ainda demora a ir no banheiro e as vezes acaba ficando com uma rodinha molhada na calcinha, mas não passa disso. Então fica tranquila e vai com paciência, se tu, como mãe, sentir que ela não está preparada ainda, não tem problema voltar atrás! Cada criança tem seu tempo e o importante é respeitarmos sem forçar nada! Com o tempo ela vai entendendo!! Mas continua tentando, teus métodos estão maravilhosos, tenho certeza de que logo ela abandonará as fraldinhas!
    beijos e boa sorte!!
    Adoro seu blog!
    Paty

    ResponderExcluir
  11. Day! Quanta paciência e criatividade! Parabéns pelos avanços, querida. Vai dar certo.

    ResponderExcluir
  12. Dayane! Sim, muita paciência, conforme as meninas disseram. Tive muitos xixis nos tapetes, nos sofás e pela casa afora. Sucesso aí! Beijo!

    ResponderExcluir
  13. Oi Dayane, não é tão fácil mesmo! Enzito começou o processo em setembro por iniciativa da escola. Mas aos finais de semana eu não fazia minha parte e deixava ele de fralda o dia todo. Conclusão, não avançávamos! Comprei um adaptador de vaso do carros para incentivar e nada. Então, a situação era mais ou menos assim, de segunda a sexta ele ficava sem fralda o dia todo na escola e tudo corria bem. Aos finais de semana ele regredia...então, resolvi deixar a preguiça de lado e fiz minha parte. Deixava ele sem fralda e dizia: "agora você não faz mais xixi na fralda e sim no banheiro igual ao papai" (dizem que é bom a gente deixá-los nos ver no banheiro, para dar o exemplo). Foram 2 finais de semana com xixi na calça, mesmo perguntando a cada 30 minutos se ele queria ir ao banheiro. E domingo passado, como num passe de mágica, ele pediu todas as vezes! O número 2 ele ainda não consegue, mas tudo a seu tempo! Fralda agora, só para sair de casa e dormir. Dizem que com as meninas é mais rápido! Boa sorte aí e não desista, de uma hora para outra verá o resultado!!!! bjo

    ResponderExcluir